19/06/2019 às 08h17min - Atualizada em 19/06/2019 às 08h17min

Policia Civil prende quarteto acusado de homicídio no Município de Caem

Fonte: 16ª Coorpin


Policiais Civis lotados na 16ª Coorpin Sob o comando do DR Ademar Alves de Sousa (Vical) com apoio dos Drs. Eduardo Brito, Coordenador da 16a. Coorpin e Wagner Marinho, Delegado Titular na Delegacia Territorial de Jacobina, cumpriram na sexta feira 14/06/2019, quatro mandados de prisão preventiva em desfavor de: Fernando Santos Dantas 22 anos, Ricardo santos Carvalho 22 anos,  Rodrigo de Jesus Silva 20 anos e Dermival Viera da Silva Junior 21 anos, todos residentes no Bairro da Bananeira, Jacobina/Bahia. O quarteto é acusado do Homicídio em que foi vítima Delmar Lopes de Souza, conhecido popularmente por “Chico”, com 30 anos de idade, fato ocorrido na madrugada do dia 06 de Junho do corrente ano, na cidade de Caem-BA.



Segundo o Delegado Titular do município de Miguel Calmon e substituto do município de Caém, Dr Ademar Vical, Fernando e Ricardo foram presos na cidade de Miguel Calmon por tráfico de droga e encaminhado ao complexo Policial de Jacobina na noite do dia 13/06/2019, onde tomaram ciência dos mandados de prisão preventiva em desfavor dos mesmos por terem participados diretamente do homicídio ocorrido na cidade de Caem na noite do dia 06/06/2019. 

Rodrigo e Dermival foram presos no dia 14/06/2019, no Bairro da Bananeira, na cidade de Jacobina /Bahia, com total apoio dos Policiais Civis da Delegacia Territorial de Jacobina, sob o comando dos delegados de polícia civil Ademar Vical e Wagner Marinho.

Segundo o Delegado, Ademar Alves,o Inquérito Policial aponta  que no dia 05/06/2019, os quatro indivíduos presos preventivamente e a vítima (Chico) estavam fazendo uso de bebida alcoólica na casa de “Preta”, mãe do indiciado Rodrigo, localizada na cidade de Caem/Bahia, e que na noite do dia 05/06/2019, os quatros indivíduos  acusaram “Chico” de ter furtado o celular de Rodrigo, momento que começaram a agredilo fisicamente com chutes e socos, não satisfeitos, colocaram Chico para fora da casa de “Preta “ e o assassinaram com varias facadas, pauladas e pedradas, decepando uma orelha e contando a língua da vítima,apos ao crime o quarteto fugiu para Jacobina. 

As risoes preventiva foram solicitadas tão logo as autorias foram esclarecidas pelo Dr. Ademar Vical. 

Os quatros indivíduos autores do homicídio que vitimou Chico foram indiciados pelo crime de homicídio triplamente qualificado.
Art 121 § 2º , Incisos II,III, IV, c/c Art. 29, todos do CPB.Os presos permanecem no Complexo Policial de Jacobina a Disposição da Justiça.

É importante ressaltar o apoio da Policia Militar na pessoa de Aidê e seus comandados para elucidação e prisão dos quatros acusados.


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp