05/02/2020 às 19h36min - Atualizada em 05/02/2020 às 19h36min

Sobe para oito o número de casos suspeitos de coronavírus em São Paulo

Por Renato Fontes
Subiu para oito o número de casos de pacientes com suspeita de coronavírus em São Paulo, segundo balanços divulgados na tarde deste sábado (1º) pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria Estadual da Saúde, da gestão João Doria (PSDB).
 
A capital paulista permanece com quatro casos suspeitos. Há outros dois em Paulínia (117 km de SP), um em Americana (127 km de SP) e um em Santana do Parnaíba (Grande SP).
 
Os dois novos casos suspeitos são de um adulto de Santana do Parnaíba, com sintomas da infecção e histórico de viagem à China, e outro adulto de Paulínia, que teve contato com caso suspeito.
 
Ainda neste sábado, a secretaria disse que excluiu um caso de Santo André (ABC), divulgado na véspera, após visita domiciliar e constatação da ausência de febre, considerado o principal sintoma da doença.
 
Os outros dois casos descartados nesta semana são de crianças residentes na capital, que tiveram resultados de exames positivos para influenza (gripe).

 
Em nota, a gestão Doria afirma que "os oito casos suspeitos estão bem, estáveis e recebendo cuidados em casa em isolamento domiciliar, ou seja, com restrição de contatos com pessoas e ambientes externos"..
 
"Os familiares dos pacientes considerados suspeitos estão orientados com relação às medidas necessárias para se prevenirem, como uso de máscaras, higienização das mãos e não compartilhamento de objetos de uso pessoal, bem como sobre os cuidados requeridos para os pacientes, que incluem hidratação e a permanência em casa, sem circulação por outros locais e evitando contato com familiares e amigos, por exemplo", afirma o texto da pasta.
 
Por causa do coronavírus, foram canceladas apresentações com idosos e crianças nas comemorações do Ano Novo Chinês, no bairro da Liberdade (região central de São Paulo) neste sábado e domingo (2). O restante da programação, que vai das 10h às 20h, foi mantida.
 
Em caso de suspeitas, a secretaria de Saúde orienta procurar o serviço de saúde mais próximo. Os sintomas da doença são: febre, dificuldade para respirar, tosse ou coriza, associados aos seguintes aspectos epidemiológicos: histórico de viagem em área com circulação do vírus, contato próximo caso suspeito ou confirmado laboratorialmente para coronavírus.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp