29/01/2021 às 07h06min - Atualizada em 29/01/2021 às 07h06min

Bahia supera Corinthians na Fonte Nova e respira fora da zona da degola



Não foi fácil, não foi tranquilo, não foi confortável e nem de longe deu esperanças de que a luta contra o rebaixamento será um pouco mais suave ou sossegada. Mas, ao menos, nesta quinta-feira, 28, em jogo atrasado da 30ª rodada, contra o Corinthians, na Arena Fonte Nova, o Bahia mostrou que garra, vontade e dedicação não faltarão para manter o time na Série A do Brasileirão. Mostrou que se não for na técnica, vai na força, na marra. Foi também uma resposta à torcida, que vinha cobrando empenho e mais entrega do elenco tricolor.

 

 
Em um jogo apreensivo e brigado desde o primeiro minuto, o Tricolor, que sofreu no início da partida com as investidas do Alvinegro paulista, dominante, foi eficiente nas oportunidades que surgiram e contou com uma noite inspirada de duas de suas maiores estrelas, o camisa 9 e o camisa 15, que merece a 10 desde a sua estreia pelo clube. Resultado: o Esquadrão venceu o Timão por 2 a 1, com gols de Gilberto e Índio Ramírez – mais um golaço de placa para a conta do colombiano –, chegou aos 35 pontos e subiu para a 16ª posição, deixando o Z4. Gabriel descontou para os paulistas. 

O Bahia volta a campo no domingo, às 16h, quando enfrenta o Vasco, em São Januário, em confronto direto na luta contra a degola. O Cruzmaltino tem apenas um ponto a mais do que o Tricolor e começou a apresentar boa evolução desde a chegada do técnico Vanderlei Luxemburgo.

O Corinthians segue na nona colocação, com 45 pontos, e viu a luta por uma vaga direta na Libertadores fica um pouco mais difícil. O próximo confronto do Alvinegro será contra o Ceará, na próxima quarta-feira, na Neo Química Arena.

Cauteloso e fatal

O Corinthians iniciou a partida como se estivesse em casa, leve e soberano. Com muito espaço para jogar e pensar o jogo, o Alvinegro paulista comandou as ações do jogo desde o primeiro minuto. Mas pecou nas finalizações.

Extremamente recuado, o Bahia chamou o Timão pra cima. E por pouco não pagou caro. O primeiro lance de perigo, mesmo com tamanho domínio do visitante, só ocorreu aos 20 minutos. Jô recebeu lançamento de Cantillo e desviou de cabeça para Gustavo Mosquito. O camisa 19 chegou chutando cruzado, e a bola tirou tinta da trave tricolor.

Nervoso na partida e sem conseguir sair jogando, o Bahia cedeu espaços ao adversário. Mas a primeira defesa de Douglas só ocorreu aos 28 minutos, quando Araos recebeu na esquerda e achou Jô na entrada da área. O atacante tirou de Lucas Fonseca e exigiu boa defesa do goleiro tricolor.

Aparentemente sem forças para reagir, o Bahia foi fatal em sua primeira conclusão em gol. Aos 30, Rossi cruzou na pequena área, Cássio afastou mal. Ronaldo pegou a sobra e chutou. Gilberto, no meio do caminho, testou para abrir o placar. O VAR entrou, mas após quatro minutos validou o gol.

O Corinthians respondeu logo. Bruno Méndez recebeu cruzamento na área, desviou para a segunda trave e Araos testou para o fundo das redes. O auxiliar marcou impedimento, confirmado pelo VAR. 

Mas o gol deu confiança ao elenco tricolor, que partiu pra cima. Aos 48, Índio Ramírez fez um golaço. Fábio Santos tocou na fogueira para Bruno Méndez, que deu o contra-ataque. Thiago arrancou e tocou para o colombiano. O meia driblou dois marcadores e chutou rasteiro para ampliar o placar. 

Susto

Mais confiante, o Bahia voltou querendo matar a partida logo no início do segundo tempo. Logo aos 2 minutos, Rossi puxou o contra-ataque pela direita e tocou com açúcar para Thiago. O camisa 7 finalizou e Cássio fez grande defesa. 

Depois disso, o jogo ficou truncado e só voltou a ter emoção aos 25 minutos, quando Gabriel reduziu para o Corinthians. Gabriel Pereira driblou  e tocou para diminuir. 

Thiago, do Bahia, ainda forçou Cássio a fazer uma bela defesa. Mas o jogo terminou mesmo com triunfo tricolor e a esperança de se manter Série A mais acesa do que nunca e com uma resposta clara do elenco para a torcida: o pulso ainda pulsa!

Partida válida pela 30ª rodada do Brasileirão, realizada nesta quinta-feira, 28, em Salvador

BAHIA 2X1 CORINTHIANS 

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador

Data: 28/01/2021 (quinta-feira)

Horário: 19h

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa) e Celso Luiz da Silva (ambos de MG)

VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira, auxiliado por Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira e Marcus Vinicius Gomes (Todos de MG)

Cartões amarelos: Gregore, Ramírez, Ramon (Bahia) / Jô (Corinthians)

Gols: Gilberto, Ramírez (Bahia) / Gabriel (Corinthians)

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca (Juninho), Ernando e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Gregore, Ronaldo, Índio Ramirez (Ramon), Rossi (João Pedro) e Thiago; Gilberto (Alesson). Técnico: Dado Cavalcanti.

Corinthians: Cássio, Fagner, Bruno Méndez, Gil e Fábio Santos (Raul Gustavo); Gabriel, Cantillo (Ederson), Gustavo Silva (Gabriel Pereira), Mateus Vital (Camacho) e Araos (Jonathan Cafu); Jô. Técnico: Vagner Mancini.

Veja mais fotos:

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp